Receba dicas grátis!

Sinalização de saída de emergência: entenda a importância

As edificações que recebem constante fluxo de pessoas devem contar com sinalização de saída de emergência. Isso se faz indispensável para garantir as melhores condições de evacuação, caso alguma ocorrência mostre ser potencialmente perigosa.

Assim, os sinais indicativos do trajeto das rotas de fuga são essenciais, seja em espaços públicos, seja em locais privados. Continue a leitura e conheça toda a relevância dessa sinalização!

A sinalização de saída de emergência resguarda vidas

As placas de saída de emergência estão entre as mais importantes sinalizações a serem implantadas em edificações de ocupação residencial, comercial ou fabril.  Isso por facilitarem o escoamento das pessoas em situações de risco iminente, como incêndio ou desabamento.

A sinalização cumpre sua finalidade ao mostrar a imagem de uma pessoa saindo pela porta, e uma flecha com a direção a ser seguida. Essa simples composição leva à identificação fácil e rápida do caminho, condição essencial para aumentar as chances de uma saída ordenada.

Cumpre salientar que as placas devem seguir a padronização da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Para tal, precisam ser dispostas de forma a fazer indicação continuada das rotas de fuga.

Isso, por meio de setas indicativas, instaladas no sentido das saídas. Quanto às demais especificações, devem ter formato retangular, fundo verde e pictograma fotoluminescente.

Sinalizar rotas de fuga é estar em acordo com a legislação

A instalação de sinalização de saída de emergência faz parte das medidas preventivas contra incêndio a serem adotadas nas edificações. Há legislações e normas que dispõem sobre o uso de placas indicadoras das rotas de fuga, entre elas a Norma Brasileira 13.434 e a Lei Federal 13.425/17.

Em ambos os textos fica estabelecida a obrigatoriedade de as construções contarem com sinalização adequada para casos de incêndio e pânico. Não seguir essa exigência resulta em assumir sérios riscos à integridade física dos ocupantes da edificação.

Além disso, a ausência de sinalização implica na impossibilidade de se obter ou renovar o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB).

Muito mais do que apenas cumprir uma obrigação de caráter legal, providenciar a sinalização de saída de emergência é zelar pela vida. Afinal, destacar a localização das rotas de fuga pode ser determinante para a sobrevivência nos momentos críticos. Portanto, se faltarem placas indicativas no seu condomínio ou na sua empresa, busque quanto antes reverter a situação.

Conheça agora as soluções da SKYFIRE em sistemas inteligentes de detecção e alarme de incêndio!

Adicionar comentário